Bonito MS - Agência de Turismo em Bonito: Passeios, Hospedagem e transportes

Parque Nacional Serra da Bodoquena


Sobre o autor: Thiago Sato vive em Bonito/MS há 12 anos, conhece o melhor da cidade e é proprietário da agência de turismo Bonito Eco Tour.


A ida à Serra da Bodoquena é um passeio imperdível para quem vai à cidade de Bonito, no Mato Grosso do Sul. Podemos dizer que este destino é um verdadeiro paraíso natural, com trilhas e cachoeiras deslumbrantes, além de uma vasta área de Mata Atlântica.

Situada no Parque Nacional da Serra da Bodoquena, a serra combina a Mata Atlântica com o Pantanal — e o mais legal é que o local oferece o melhor da natureza junto a uma estrutura excelente.

Parque Nacional da Serra da Bodoquena

A preservação é referência no local, mas há também toda a infraestrutura necessária para que os visitantes possam curtir, relaxar e explorar o local com muita segurança e tranquilidade. Entre outras comodidades, a Serra da Bodoquena conta com estacionamentos, restaurantes, bares, áreas para descanso e banheiros acessíveis para cadeirantes.

É importante destacar, no entanto, que, ao contrário do que muitos podem pensar, a Serra de Bodoquena não pertence à cidade de Bonito. Ela está situada no município de Bodoquena/MS, mas por conta de sua proximidade, é incluída no roteiro turístico regional.

Bodoquena/MS

Os turistas que exploram a Serra de Bodoquena têm a oportunidade de desfrutar de aventuras incomparáveis, tais como: trilhas, cachoeiras, balneários, piscinas naturais e áreas de lazer e descanso.

O Parque Nacional Serra da Bodoquena

Situado a cerca de 70 km de Bonito/MS, o Parque Nacional da Serra da Bodoquena é uma das atrações mais populares da região. Criado em 2000, o parque já possui mais de 20 anos de história e sua gestão é realizada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Atualmente, o Parque Nacional da Serra da Bodoquena é a única unidade de conservação federal no estado do Mato Grosso do Sul e, não por acaso, é a maior área contínua de Floresta Tropical da região.

Floresta Parque Nacional da Serra da Bodoquena

No geral, abrange cerca de 77 mil hectares de área preservada — onde encontramos também o Complexo do Pantanal, localizado no estado de Mato Grosso do Sul. Criado com o objetivo de proteger o ecossistema local, o complexo é fundamental para a realização de pesquisas científicas.

A área desempenha um papel importantíssimo em atividades de educação ambiental, ecoturismo e demais recreações feitas ao ar livre. Além disso, o Parque Nacional da Serra da Bodoquena oferece ainda um refúgio natural ideal para diversas espécies de animais, tornando-se, desta forma, um espaço de preservação de grande importância.

Algumas das mais importantes espécies de animais preservadas são a onça-pintada, o cascudo-cego e o puma — todas ameaçadas de extinção —, e a área de proteção se estende pelos municípios de Bonito, Jardim, Porto Murtinho e Bodoquena, sendo este último o ponto mais próximo da serra.

Fauna

Serra da Bodoquena, tal como todo o parque, possui uma fauna e flora exuberantes. Só para você ter uma noção, há cerca de 50 espécies de peixes que vivem nos rios e lagoas da área.

Além disso, os mamíferos também são abundantes, com 195 espécies diferentes. Já as aves são as mais numerosas, totalizando 340 espécies, incluindo o imponente gavião real e a lindíssima arara vermelha.

Parque Nacional Serra da Bodoquena

O mais fascinante é a interação entre os animais, que por si só já é um grande atrativo. Um exemplo notável é a simbiose — relação biológica entre dois organismos diferentes onde ambos se beneficiam mutuamente — entre as capivaras e os pássaros: os passarinhos ajudam a livrar as capivaras de insetos, como pulgas, que se alojam em seus corpos.

Flora

A flora é outro destaque do passeio, já que a área de mata é muito bem preservada. De maneira geral, o Parque Nacional Serra da Bodoquena abriga uma grande diversidade de espécies de árvores típicas do Cerrado. Além disso, as matas ciliares enriquecem o ecossistema ao lado do Pantanal.

Nos pontos mais altos dos morros, por exemplo, as árvores perdem suas folhas durante a seca. No entanto, próximo aos lagos e rios, a floresta permanece sempre verde, graças à abundância de água.

As trilhas geralmente acompanham esses cursos de água e córregos, onde se encontram as cachoeiras. Portanto, seja na baixa ou na alta temporada, o ambiente estará sempre propício para visitas.

Como visitar

Para visita ao Parque Serra da Bodoquena deve ser acompanhada por um guia credenciado pelo instituto para receber e orientar turistas na área. O agendamento pode ser feito por meio de um sistema do governo federal. Mas atenção: o link para acesso só é divulgado quando o parque estiver aberto ao público.

Serra da Bodoquena: Onde fica, diversidade e animais

Serra da Bodoquena, localizada na fronteira sudoeste do Pantanal, é composta pelas cidades de Porto Murtinho, Bonito, JardimMiranda e Bodoquena, todas no estado do Mato Grosso do Sul.

Parque Nacional da Serra da Bodoquena — que leva o mesmo nome da serra — é dividido em duas áreas distintas: a norte e a sul. Ao percorrer sua vasta área, somos recebidos por uma variedade impressionante de paisagens naturais. A região é também um tesouro geológico, repleto de cavernas, grutas e abismos que convidam à exploração e à aventura.

Apesar de ser uma atração popular para os visitantes que buscam passeios em Bonito/MS — e ser confundida como parte da cidade —, a Serra da Bodoquena se localiza na própria cidade de Bodoquena.

cachoeiras SERRA DA BODOQUENA

No entanto, a proximidade é tanta que apenas 72 km separam Bonito das magníficas cachoeiras e trilhas da serra da Serra da Bodoquena, tornando-a uma extensão natural do roteiro turístico.

estrada MS-178 é a via principal que conecta as duas cidades e Bodoquena está a uma curta distância de 11,4 km da serra, facilitando o acesso a esse espetáculo natural.

A MS-178 é uma rodovia estadual importante na cidade e é totalmente pavimentada, proporcionando uma viagem tranquila e sem contratempos. Ao se aproximar dos últimos quilômetros antes da serra, embora o asfalto dê lugar a uma via sem pavimentação, o caminho continua sendo de simples navegação, garantindo que sua chegada ao destino seja tão prazerosa quanto o passeio em si.

Diversidade e animais

Na Serra da Bodoquena você se depara com uma floresta densa, um legado vivo da Mata Atlântica que se funde suavemente com o Cerrado. A vida selvagem é um espetáculo à parte, abrigando uma rica diversidade de espécies animais.

Mas o que realmente fascina os visitantes são suas águas límpidas. O Parque Nacional da Serra da Bodoquena é cheio de rios enriquecidos por carbonato de cálcio, que naturalmente filtra as impurezas, depositando-as no leito do rio.

PARQUE SERRA DA BODOQUENA

É por isso que as águas da região estão entre as mais transparentes de todo o Brasil, sendo um verdadeiro espetáculo da natureza.

Os rios Salobra e Perdido são os cursos de água mais importantes do Parque Nacional Serra da Bodoquena, com o Salobra fluindo graciosamente pelo norte e o Perdido, pelo sul. Além disso, graças à pureza conferida pelas rochas locais, as águas cristalinas desses rios, córregos e quedas d’água da Serra da Bodoquena são um verdadeiro convite aos olhos.

A fauna da Serra da Bodoquena também é composta por uma variedade incrível de espécies. Entre os canídeos, destacam-se as astutas raposas, os curiosos lobinhos e os majestosos lobos-guarás.

O reino dos felinos é igualmente impressionante, com a presença das onças-pintadas, das ágeis jaguatiricas e das imponentes onças-pardas, também conhecidas como suçuaranas ou pumas. E não para por aí: a região é também o lar de capivaras, cutias, antas, catetos, queixadas, pacas, além das ágeis lontras e das brincalhonas ariranhas.

Nas alturas da Serra da Bodoquena, o céu é colorido por araras-azuis, vermelhas e canindés, aves que são verdadeiros ícones da biodiversidade brasileira. E entre as copas das árvores, reina a harpia, ave que ostenta o título de maior do Brasil — e do mundo. Conhecida também como gavião-real, essa águia é um símbolo de força.

Serra da Bodoquena: O que fazer

Ao visitar a Serra da Bodoquena, os turistas têm a oportunidade única de se conectar com a natureza através do ecoturismo, admirando a rica fauna e flora local. Além disso, para os entusiastas de adrenalina, a região oferece atividades que incluem trilhas desafiadoras, cachoeiras e passeios de quadriciclo, entre outras atividades ao ar livre.

Como é a visitação e como são os passeios

No portal de agendamento, os visitantes terão acesso a uma lista detalhada contendo nome, telefone, e-mail e especialidades dos guias disponíveis para a experiência de visitação. Os guias têm a liberdade de formar grupos de turistas de maneira autônoma ou por meio de uma agência de viagens.

É importante lembrar que AS AGÊNCIAS SÓ PODEM OPERAR COM GUIAS DEVIDAMENTE CREDENCIADOS. O custo das atividades oferecidas, que incluem trilhas, banhos em rios, observação da fauna e flora local, passeios de bicicleta e canoagem (em fase de planejamento), será variável.

De acordo com a gestão do Parque Nacional Serra da Bodoquena, foi realizada uma preparação cuidadosa para acolher o crescente número de visitantes: mais de 180 condutores já receberam credenciais e estão prontos para guiar os turistas.

Esse grupo de condutores é formado por diversos profissionais; além de guias especializados em turismo, o time inclui biólogos, jornalistas, professores e pesquisadores, todos qualificados para enriquecer a experiência dos visitantes com seus conhecimentos sobre o parque.

Cachoeiras Serra da Bodoquena

A aventura pelas Cachoeiras Serra da Bodoquena começa em uma propriedade vizinha ao Parque Nacional. Com uma vasta extensão de 400 hectares, a maior parte, 350 hectares, é constituída por vegetação nativa e áreas que estão sendo recuperadas. O acesso é fácil e feito por uma estrada pavimentada e claramente indicada.

Partindo de Bonito/MS, o percurso de 70 km pode ser feito em aproximadamente 1 hora. Continue a leitura e descubra algumas das atividades que o esperam!

Trilhas

Durante o passeio, os visitantes desfrutam de uma caminhada tranquila de 2.500 metros por entre a vegetação, com até oito pausas para banhos nas encantadoras cachoeiras e nas piscinas naturais do Rio Betione. A trilha é acessível para todas as idades, pois fica sob a sombra das árvores e seu terreno é todo plano.

Passeio de Caiaque Duck

A bordo de caiaques infláveis, os aventureiros têm a chance de deslizar pelas águas tranquilas do Balneário da Serra da Bodoquena. Esta é a atividade ideal para quem quer se conectar com a natureza e apreciar a rica vegetação ao redor.

Quadriciclo Serra da Bodoquena

Para os entusiastas de emoções fortes, o passeio de quadriciclo pela Serra da Bodoquena é a escolha perfeita. Com um trajeto de 8 km, os aventureiros atravessam paisagens de tirar o fôlego, passando por rochas carbonáticas escondidas na vegetação e descobrindo vales e cachoeiras, onde podem fazer uma pausa para um banho revigorante.

quadriciclo Serra da Bodoquena

Flutuação nas Nascentes da Serra

Na Serra da Bodoquena, também é possível fazer o passeio de flutuação, uma atividade encantadora e muito procurada. Deslizando pelas Nascentes da Serra, em um trajeto de cerca de 600 metros, os flutuadores boiam de barriga para baixo e contemplam o mundo aquático em sua plenitude, cercados por cardumes de peixes e vegetação subaquática de proporções impressionantes.

Balneário

No Balneário da Serra da Bodoquena, uma gama de atividades espera por você. O espaço dispõe de um gramado verdejante, quadra de vôlei na areia, confortáveis cadeiras para relaxar e um acolhedor quiosque.

Para os aventureiros, a tirolesa promete momentos de pura emoção. E para aqueles que buscam tranquilidade, além de flutuar tranquilamente em boias ou remar nas águas claras de caiaque, as piscinas são o refúgio ideal.

O que levar

Para sua visita, é essencial optar por roupas confortáveis e um bom par de tênis.

Não esqueça de trazer seu traje de banho e toalha, além de repelente e protetor solar para proteção. O local oferece armários para guardar seus pertences. E claro, não se esqueça de trazer sua câmera para capturar os momentos memoráveis!

Melhor época para conhecer a Serra da Bodoquena

A decisão do momento ideal para realizar o passeio é toda sua, afinal, a região é acolhedora e acessível em todas as estações do ano. No período das chuvas, a natureza se mostra ainda mais exuberante, com paisagens que ganham um verde intenso e cachoeiras que se tornam mais volumosas e espetaculares.

Contudo, é bom ter em mente que o clima pode afetar as atividades disponíveis, então é sempre bom verificar as condições antes de planejar sua aventura, ok?

Confira: (Melhor época para visitar Bonito/MS)

Onde fica o Parque Nacional Serra da Bodoquena e qual é a sua diversidade em termos de fauna e flora?

Parque Nacional Serra da Bodoquena está situado no estado de Mato Grosso do Sul, no Brasil, nas proximidades da cidade de Bonito. A área é reconhecida por sua rica biodiversidade, acolhendo uma grande variedade de animais e plantas. Entre a fauna, destacam-se espécies como onças-pintadas, macacos, antas, e uma grande quantidade de aves e peixes. A flora também é diversificada, incluindo matas ciliares, cerrados e florestas estacionais, criando um ambiente ideal para a observação da vida selvagem e da natureza.

Como é a visitação e quais passeios estão disponíveis no Parque Nacional Serra da Bodoquena?

A visitação ao Parque Nacional Serra da Bodoquena é bem organizada e segura, contando com guias locais que acompanham os turistas em diversas atividades. Entre as opções mais populares estão as trilhas que levam a impressionantes cachoeiras e os passeios de caiaque, que possibilitam uma exploração divertida e ecologicamente consciente dos rios. Além disso, há passeios de quadriciclo, flutuação nas nascentes da Serra e momentos relaxantes nos balneários.

Qual a melhor época para visitar a Serra da Bodoquena e o que devo levar?

Para uma experiência ideal na Serra da Bodoquena, o período recomendado é a temporada de seca, que vai de maio a setembro. Nessa fase, as trilhas ficam mais transitáveis e as águas dos rios, incrivelmente claras. Aconselhamos usar roupas frescas e sapatos apropriados para caminhada, protetor solar e repelente contra insetos. Além disso, não se esqueça da câmera fotográfica e de levar água suficiente e snacks para os trajetos mais extensos.

 
Naira Polyana Donato Figueiredo
google
Naira Polyana Donato Figueiredo
26 de Janeiro de 2024 15:27

A avaliação positiva não ocorre somente quando dá tudo certo, mas principalmente quando algo não sai como o esperado e a agência dá todo suporte pós venda, ajudando a achar a melhor solução para o caso. Agradeço o profissionalismo após eu cancelar um dos passeios e ter a devolução do valor de volta sem burocracias.

Nestor Camargo
google
Nestor Camargo
01 de Janeiro de 2024 21:57

A Agência de turismo nos proporcionou os melhores 5 dias que tive, com as melhores programações e dicas dos vendedores, agradeço a todos pela atenção e cuidado.

Luiz Brasil
google
Luiz Brasil
04 de Novembro de 2023 11:34

Bonito é perfeito, com muita aventura durante a viagem. E fui muito bem recebido pela agência Bonito Eco Tour. Sensacional

Dieny Sorrir Mais
google
Dieny Sorrir Mais
04 de Novembro de 2023 11:04

Recomendo totalmente essa agência. Quem quiser ter uma estadia confortável e segura em Bonito, pode dar preferência a Eco Tour, pois o comprometimento do dono e dos funcionários é incrível. O cuidado com as informações sobre os lugares, horários e detalhes fazem toda a diferença. Foi uma grata surpresa a atenção que recebi, muito acima da média. Agradeço a indicação que recebi de uma amiga e realmente ela não exagerou. Gratidão Eco Tour, por ter deixado minha viagem excepcional. Vcs são um exemplo no atendimento e na simpatia.

Laís Perpétuo
google
Laís Perpétuo
29 de Janeiro de 2024 20:21

Uma das melhores agências de Bonito. Eles tem um atendimento diferenciado e estão localizados bem próximos do Centro da cidade. Destaco a cordialidade do Ivan que explica e dá dicas que fazem toda diferença na escolha dos passeios. Super recomendo!